Sindicato dos Comerciários de Betim e região amplia base de representação

postado em: Notícias | 0

O Sindicato dos Comerciários de Betim e Região obteve êxito no registro de alteração estatutária para ampliação de base territorial e representação dos trabalhadores do comércio. Foram incorporadas à base territorial as cidades de Juatuba e São Joaquim de Bicas, conforme publicado no Diário Oficial da União no dia 10 de janeiro. Desde então, o SEC Betim, além de representar legalmente e defender os direitos dos(as)  trabalhadores(as), a diretoria fará visitas periódicas aos comércios que são os locais de trabalho dos empregados e consequentemente criará uma ampla campanha de conscientização pela união dos trabalhadores.

Além da extensão de base para as cidades citadas, a presente alteração estatutária ampliou a representatividade do nosso Sindicato para outros segmentos do comércio, compatível com o quadro de atividades dispostas no artigo 577 da CLT, com destaque para a inclusão da representação dos empregados no comércio varejista e atacadista de carnes, produtos da carne e pescados; carne bovina, suína e derivados; aves abatidas e derivados; pescados e frutos do mar; carnes e derivados de outros animais, ou seja, a partir de agora, os trabalhadores em açougues, casas de carnes e derivados, serão representados por nosso Sindicato.

O presidente do Sindicato, Thiago Henrique afirma que é importante salientar que, o Sindicato dos Empregados no Comércio de Betim e região foi fundado em 25 de agosto de 1.988, portanto, temos 34 anos de luta e resistência na defesa dos Trabalhadores (as) no Comércio. É filiada à União Geral dos Trabalhadores (UGT), uma das maiores Centrais Sindicais do Brasil, à Federação dos Empregados no Comércio e Congêneres do Estado de Minas Gerais (Fecomerciários-MG) e à Confederação Nacional dos Trabalhadores no Comércio (CNTC), o que nos fortalece ainda mais a ação sindical e a nossa luta.

Com sede localizada na Rua Tereza Machado Lage, nº 19 – Brasiléia, Betim, onde funciona os atendimentos. Os trabalhadores podem contar com uma entidade, comprometida com a luta de classe, garantindo assim, reajuste salarial, auxílio alimentação, assistência à saúde, entre outros direitos já previstos na Convenção Coletiva de Trabalho (CCT), que possui quarenta e oito cláusulas renovadas anualmente que é nosso instrumento legal que regulamenta as relações trabalhistas, portanto é imprescindível a sua observância no sentido de garantir segurança jurídica, tanto para as empresas quanto para os empregados.

Considerando que a data base da nossa categoria é 1º abril, e que este ano será celebrado o Termo Aditivo à Convenção Coletiva de Trabalho 2022/2024 para reajustar as cláusulas econômicas da CCT em vigor, esclarecemos que nesta negociação será feita as adaptações necessárias na cláusula da abrangência para inclusão das cidades de Juatuba e São Joaquim de Bicas, e também para qualificar a representação dos empregados em casas de carnes e derivados.

Estamos à disposição para maiores esclarecimentos e reafirmamos o nosso compromisso em buscar sempre o diálogo como alternativa principal para resolução de qualquer impasse.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

três × 3 =